Jindungo ou Gindungo, Piripiri, malagueta, não importa qual dos nomes. Eu gosto de saborear todos, normalmente nas minhas receitas uso o Jindungo ou Gindungo que trouxe de Moçambique, numa viagem que fiz a Maputo. São pequenos, mas, muito poderosos. Quando tenho visitas em casa, normalmente não ponho, deito no prato as vagens cortadas com o garfo e a faca e tempero a comida com se fosse pimenta (com as mãos não dá, um dia esqueci-me, esfreguei os olhos a seguir e ia morrendo com os olhos a arder, bem os lavei com água, mas, nunca mais passava).
Nalguns países o picante é fundamental em determinadas receitas, em Moçambique em casa de amigos, na Índia, na Tailândia e no México, estes são aqueles que eu conheço de perto.
Quem é que consegue comer marisco frito, caracóis, bifinhos sem um picantezinho? Eu não consigo por isso uso em quase tudo, até nas compotas e nos licores.
Além de activar o gosto em quase todos os pratos, tenho vindo a descobrir, por pesquisas que fiz na Internet, que além do sabor que dá, faz realmente bem à saúde, ajudando a curar quase todas as maleitas. Dêem um saltinho aqui e vejam mais.

 

8E6B1398