O segredo da Farinheira cozida sem rebentar

Adoro farinheira! Assada, mexida com ovos, cozida, adoro farinheira!!!
Na terra da minha mãe, as farinheiras eram feitas a banha em rama, hoje em dia são feitas à base de toucinho.  A banha era usada também como manteiga, para barrar no pão.

Hoje, com mais dinheiro e mais oferta, a banha deixou de ser tão utilizada na dieta dos portugueses e o toucinho passou a entrar em força na composição das farinheiras, às vezes em bocados rijos e intragáveis. Um dia destes passo para aqui a receita das farinheiras!

E para as cozer?

A minha mãe picava-as com uma agulha, com um garfo, com um palito e quase sempre havia uma que rebentava. Um dia, alguém me explicou que com um palito a furar cada uma das pontas da farinheira ela nunca mais rebenta. E é verdade, não custa nada!

Depois de cozida deixe arrefecer para cortar e não se desmanchar.

O segredo da Farinheira cozida sem rebentar

O segredo da Farinheira cozida sem rebentar

O segredo da Farinheira cozida sem rebentar